ENVIOS GRÁTIS A PARTIR DE 10€ | DEVOLUÇÃO SEM DISCUSSÃO
Decathlon

CONSELHOS TÉCNICOSPARA JOGAR PING PONG

CONSELHOS TÉCNICOSPARA JOGAR PING PONG

O QUE É O PING PONG?

Quer seja o simples prazer de jogar, quer seja o gosto pelo desafio, o ping pong satisfaz os desejos de todos: viver um momento simples de partilha ou sentir a intensidade e a pressão de uma partida.

O som do impacto da bola na mesa, a sensação do projétil que ressalta na raquete, a satisfação da pancada bem conseguida, o leve toque da raquete no momento do primeiro efeito, a potência do smash, ou simplesmente o prazer de prolongar uma troca de bolas, o ping pong é um desporto de sensações, de concentração e de partilha.

Encontre aqui a sua história, as regras e as vantagens.

O que é o ping pong?

O ping pong nasceu na Inglaterra, no final do século XIX. Consta que os primeiros pingue-ponguistas da História pretendiam, na verdade, reproduzir uma partida de ténis para debater a estratégia, batendo numa rolha de champanhe, com caixas de charutos numa simples mesa de centro. Contudo, de um modo mais geral, este desporto permitia aos ingleses, nos dias de chuva, jogar o seu desporto favorito em espaços interiores.Tendo origem britânica, o ping pong foi exportado para o resto do mundo. Foi dominado pelos países da Europa do Leste na década de 1930, e, depois, pela Ásia nos anos 50. A supremacia chinesa instalou-se nos anos 60, por vezes interrompida pela Hungria ou pela escola sueca. Coube a este desporto, igualmente, o desempenho de um papel político, nomeadamente em 1971, em plena guerra fria, na aproximação entre a China e os Estados Unidos. O ping pong tornou-se num desporto olímpico em 1988, em Seoul. Também é denominado ping pong por antonomásia, fazendo referência a uma marca comercial americana que propunha um kit para jogar ping pong ou ténis de sala. Atualmente, utilizamos a palavra ping pong, ou ping pong de lazer, para designar uma prática mais livre, que permite jogar em qualquer lado, adaptando as regras, em suportes de qualquer tamanho. Distinguimo-la da prática académica do ping pong, praticado em clube ou em escola, muito exigente e técnico.

As regras

O ping pong é jogado por 2 ou 4 pessoas, em 3 ou 4 jogadas de 11 pontos com 2 pontos de diferença, numa mesa equipada com uma rede. O objetivo é de devolver a bola para o campo do adversário. A bola deve ressaltar uma vez, por isso é proibido rebater a bola no ar. No serviço, a bola deve ressaltar em cada campo. Se tocar na rede, há um "let" e o serviço é repetido. O serviço na diagonal só é obrigatório em dupla (jogo com 4 jogadores). Após o serviço, o let não será tido em conta durante a partida, e a bola será jogada normalmente.

O ping pong é adequado para si?

Desportista individual ou coletivo? O ping pong é um desporto individual, mas o espírito de clube cria uma fraternidade, um sentimento de pertença a uma comunidade, a uma família. Intenso ou relaxante? Ao contrário da imagem que podemos ter, é um desporto muito físico quando é jogado a um nível avançado: a repetição dos movimentos vigorosos e dinâmicos irá exigir mais dos gémeos e das coxas. No entanto, a prática será mais relaxante aquando de uma troca de bolas simples entre amigos e familiares, o que permitirá jogar com uma criança com idade superior a 5 anos, ou, ao contrário, partilhar um momento agradável com os nossos avós. Paz de espírito ou estratégia? Quando é jogado a um nível mais avançado, a estratégia torna-se uma componente necessária para vencer: posicionamento de bolas, trajetórias, efeitos, posicionamentos e jogar no contrapé... Será necessário aliar os seus reflexos e a sua precisão à sua criatividade para vencer!

O equipamento necessário

Para jogar, vai precisar de uma mesa com rede, uma bola e uma raquete.

O suporte:

Uma mesa standard de ping pong mede 2,74 cm por 1,525 m e deve ficar situada a 76 cm do chão. Mas no ping pong de lazer, o suporte de jogo é livre: poderá variá-lo para criar novos condicionamentos e renovar as experiências de jogo. A rede permitirá, por exemplo, jogar numa mesa de jardim ou numa mesa de cozinha.

O suporte deve garantir um ressalto suficiente para conseguir realizar a troca de bolas.

A rede:

A altura da rede deverá ser adaptada ao comprimento da mesa, de forma a tornar possíveis todas as pancadas de ping pong. Uma rede demasiado alta impede estas pancadas, assim como os smashs, os topspins, etc. Numa mesa standard, a rede mede 15,25 cm e ultrapassa os lados da mesa. No ping pong de lazer, é preferível utilizar uma rede com uma largura igual à da mesa, de forma a não ferir ninguém, nomeadamente durante as partidas ditas rotativas.

A raquete:

A raquete é composta por um cabo, uma madeira (o centro da raquete) e revestimentos, também chamados de placas, colados na madeira. A combinação da madeira e das placas irá permitir ao jogador procurar um nível de controlo, de obtenção de efeitos e de velocidade adaptados ao seu tipo de jogo. Para o ping pong de lazer, existem raquetes de plástico duro resistente aos choques e às intempéries. Estas raquetes garantem a mesma qualidade de jogo que as raquetes standard dedicadas aos jogares principiantes e avançados.

A bola:

Deve ser suficientemente resistente e esférica para assegurar uma boa experiência de jogo. Uma vez que as bolas em celuloide foram proibidas pela federação devido à sua inflamabilidade, são atualmente substituídas por bolas de plástico.

CONVITE

Agora que ficou a conhecer, pelo menos, o indispensável, partilhe connosco as suas experiências: conte-nos a memória do seu avô a ensinar-lhe a servir, ou o local o mais insólito onde já jogou!

QUAIS OS BENEFÍCIOS DE JOGAR PING PONG?

Distinguimos 2 práticas no ping pong: aquela que é praticada em casa, durante as férias ou até mesmo no escritório, que denominamos ping pong de lazer, e a prática académica que é jogada em clube, segundo regras oficiais. O ping pong de lazer é acessível a todos, independentemente da sua condição física, idade, tempo ou espaço disponível para jogar. É uma prática ideal para iniciar ou continuar a prática desportiva, que evoluirá de forma natural para uma prática mais física, mais desportiva, mais exigente, mais académica.

Desporto de sensação (sim, sim!)

Escute os amantes de ping pong quando eles lhe falam sobre o seu desporto: os seus olhos brilham quando expressam o prazer de sentir o ressalto da bola na raquete e a satisfação de terem efetuado a pancada pretendida. No início, contentar-se-á com a capacidade de bater algumas bolas. De seguida, ficará orgulhoso por ter conseguido colocar a bola no canto da mesa. O seu primeiro efeito será uma vitória que irá certamente merecer um dab! E que confiança, ao conseguir devolver aquele smash potente do seu adversário. E para as pessoas que dirão que em termos de sensações, há falta de paisagens: leve a sua rede para a sua caminhada!

Uma concentração que dura

Desporto rápido e preciso, o ping pong requer do jogador uma forte concentração que será, muitas vezes, determinante para o resultado da partida, qualquer que seja o nível do praticante. Vai aprender a ignorar tudo à sua volta e a canalizar a sua atenção para o jogo. Esta capacidade ser-lhe-á útil até fora das salas de ping pong: no trabalho, nas aulas, para lidar com o stress, ou para acabar de ler o Guerre et Paix (Guerra e Paz).

Esforço físico

Transpirar a jogar ping pong? Impossível! E no entanto! Já o dissemos: no ping pong, é você quem escolhe a intensidade do seu jogo. Em trocas de bolas simples não irá suar muito a camisola, mas, ao longo da partida, a vontade de vencer o seu adversário fará subir a temperatura. Quer fazer cardio e trabalhar os glúteos? Inscreva-se num clube! A rapidez dos movimentos e as pancadas repetidas vão fazê-lo arrepender-se da leitura de Guerre et Paix! Por isso, não se esqueça de alongar.

Análise, estratégia

Depois de algumas trocas de bola imprecisas, de saídas de mesa e de bolas na rede, começa a dominar as pancadas, mas ainda sofre algumas derrotas. É aqui que se define um novo objetivo: ter o controlo e liderar o jogo! As suas armas: a análise e a estratégia. Observe o seu adversário e dificulte-lhe o jogo, desestabilize-o: jogue para o seu lado oposto se ele não estiver à vontade, jogue para o fundo da mesa se ele estiver muito próximo, bloqueie os seus topspins... De facto, irá aprender a analisar e a decidir, mas, sobretudo, irá aprender a fazê-lo rapidamente!

DICAS

- Pense em jogar com a bola e não com o ponto de referência
- Desenvolva os seus reflexos
- Um gesto consciente torna-se inconsciente e, por isso, um reflexo

impreciso para ser cada vez mais preciso...

Nível 1:

as primeiras trocas de bola imprecisas, as saídas de mesa e as bolas na rede

Nível 2 :

bolas mais precisas mas jogo difícil, em defesa constante.

Nível 3 :

tentativas para colocar a bola.

Nível 4 :

análise do jogo do adversário e criação de estratégias para vencer a partida.

COMO ESCOLHER A SUA MESA DE PING PONG?

Mesa de interior? Mesa de exterior? Quais são as diferenças? Consulte o guia para escolher adequadamente a sua mesa de ping pong.

A escolha de uma mesa de ping pong será feita em função do local onde irá jogar, assim como do local onde a vai arrumar. Determinamos então duas famílias de mesas: as mesas de interior (indoor) e as mesas de exterior (outdoor). 

AS MESAS DE PING PONG DE EXTERIOR

Para jogar no exterior, são necessárias mesas resistentes às intempéries. São concebidas para a prática ao ar livre e no exterior em quaisquer condições meteorológicas. A sua qualidade de ressalto é ligeiramente inferior relativamente a uma mesa de interior com tampos em madeira. Contudo, a qualidade de ressalto aumenta com a espessura do tampo. Se precisar de transportar a sua mesa com frequência ou em terrenos irregulares, opte por rodas grandes e pés largos. As vantagens pretendidas são:

um transporte fácil
estabilidade
qualidade de ressalto

AS MESAS DE PING PONG DE INTERIOR

Para jogar no interior, necessita de uma boa qualidade de ressalto, a abertura e o fecho da mesa deverão ser fáceis e, finalmente, deverá ser compacta. Estas mesas possuem tampos em madeira (aglomerada) que privilegiam a qualidade de ressalto e do jogo. Quanto mais espessos forem os tampos, maior será a qualidade de ressalto. Se precisar de transportar a sua mesa com frequência, opte por rodas duplas com diâmetro largo e pés com secção forte. As vantagens pretendidas são:

qualidade de ressalto
estabilidade
utilização fácil

COMO ESCOLHER UMA RAQUETE DE PING PONG?

Precisa de uma raquete para jogar no exterior? No interior? Explicamos-lhe as diferenças: consulte o guia.

A escolha de uma raquete de ping pong será feita em função do local onde irá jogar, assim como da sua frequência de jogo.

AS RAQUETES DE PING PONG DE INTERIOR

A escolha da sua raquete de ping pong deverá ser feita, antes de mais, consoante o seu nível de prática. No treino ou em competições, as raquetes são classificadas de 2 a 6 estrelas. Quanto maior for o número de estrelas, maior será o efeito e a velocidade da bola dados pela raquete.

PRÁTICA OCASIONAL

*/**

Primeiro, vai precisar de

controlo.

PRÁTICA REGULAR

***/****

Pretende imprimir

efeitos e controlo

RÁTICA INTENSIVA

*****/******

Pretende

velocidade
, imprimir
efeitos e controlo.

Este artigo foi redigido por Nicolas, conselheiro de corrida na Decathlon Périgueux e praticante de trail curto - 3 a 4 corridas por semana

COMO UTILIZAR

ADEQUADAMENTE A SUA MESA DE PING PONG?

Como conservar a minha mesa? Qual a importância da posição da mesa? Proteger os tampos,... Descubra as nossas dicas para utilizar adequadamente a sua mesa de ping pong.

Posicionar adequadamente a mesa

Uma mesa mal instalada pode incomodar a sua prática. Aqui estão algumas dicas para posicionar adequadamente a sua mesa:
1. Instale a mesa numa superfície o mais plana possível.
2. Depois de desdobrada, pode ajustar o tampo da mesa graças aos pés ajustáveis. O objetivo é ter os dois tampos perpendiculares ao solo, e cada um frente ao outro.
3. Bloqueie os tampos graças aos sistemas de segurança, para que a mesa fique imobilizada.
4. Se pretender mais estabilidade, pode bloquear as rodas (apoios, cordas finas, peso...).

Proteger a mesa

A mesa FT730 possui um sistema de segurança automático. Um "clique» indicar-lhe-á que os tampos estão bem bloqueados. Para conseguir uma prática segura, tenha o cuidado de instalar a sua mesa num local espaçoso que permita deslocar-se livremente. E não obstrua a área imediata!

Limpar o tampo de jogo

Para conservar o estado original da mesa, uma limpeza apropriada é necessária. Atenção, o tampo da mesa torna-se frágil e não deve ser limpo com produtos muito corrosivos, nem com solventes (a pintura pode sair!). Eis a solução:
1. Misturar sabão com água: num balde, metade água/metade sabão.
2. Limpar com um pano (ou esponja) humedecido com a mistura de água com sabão, fazendo gestos circulares.
3. Enxaguar o tampo com água limpa e voltar a instalar a rede.
Antes de qualquer limpeza feita no tampo, não se esqueça de retirar a rede.

Capa de proteção

Uma mesa exterior fica sujeita aos caprichos da meteorologia. É por essa razão que, para além de uma limpeza regular, é necessário proteger a mesa quando está arrumada. Uma capa de proteção permitirá à sua mesa perdurar mais tempo em tempo de chuva ou de trovoada, mas também proteger a pintura da mesa quando estiver ao sol.

Arrumação da mesa

Uma mesa dobrada pode representar um perigo se não estiver arrumada num local apropriado. De facto, lembre-se de colocar a sua mesa ao abrigo do vento, pois poderá facilmente voar com o vento e, consequentemente, virar-se e ficar danificada. Uma garagem ou encostada a uma parede são as opções ideais para arrumar a sua mesa.

Reparar uma bola de ping pong

Quem nunca pisou uma bola de ping pong? Ninguém! Mas como reparar esta bola que está apenas pouco danificada?
Aqui tem uma dica muito simples para que a sua bola volte a ficar redonda: Com uma colher, mergulhe a bola danificada num recipiente com água a ferver. Mantenha-a dentro da água entre trinta segundos a um minuto. E já está! A sua bola está nova!*

*Se a sua bola não voltar à sua forma original, o que pode acontecer, então será necessário trocar de bola.