É importante escolher o bom material que acompanhará o seu filho dentro de água com toda a segurança. Em função da idade, do seu peso e nível, não terá o mesmo equipamento. Falamos de iniciação aquática para definir os primeiros passos da criança neste novo elemento.

Podemos distinguir três diferentes etapas na iniciação aquática:

 

• A descoberta da água : a primeira etapa, a mais importante, é aquela em que a criança vai encontrar o novo ambiente. Ela familiariza-se com a água, desperta e descobre novas sensações. Se a criança deve poder evoluir ao seu ritmo, é no entanto importante que esta etapa decorra sem problemas, para poder passar para a segunda etapa sem sobressaltos.

A aprendizagem da natação: a criança vai começar a deslocar-se dentro de água  sozinho : descobrir os gestos que o farão avançar, como se deslocar dentro de água, sentir que a água o transporta.

• A progressão debaixo de água : é a etapa de maior receio, sobretudo para os pais! É o momento em que a criança vai submergir em apneia. O objetivo é ensinar-lhe a submergir  e a deslocar-se debaixo de água sem medo.

 

Duranta as duas primeiras etapas, é difícil optar entre as boias, as braçadeiras, os cintos de natação e os coletes, etc. A Nabaiji apresenta-lhe alguns conselhos para escolher o flutuador mais adaptado à sua criança e à sua aprendizagem.

A CRIANÇA DESCOBRE A ÁGUA

Durante a etapa de descoberta da água, o objetivo é tranquilizar, não apenas a criança mas também os pais. Existem diversas opções:

 

• A boia-cadeira : permite ao bebé de estar confortavelmente instalado para descobri da melhor forma o meio aquático com toda a segurança.

• As braçadeiras : asseguram uma excelente flutuabilidade à criança proporcionando-lhe a estabilidade  necessária. Permitem-lhe ficar com a cabeça fora de água. Existem três tipos de braçadeiras: o modelo clássico insuflável, o modelo com um tecido interior, mais agradável de usar e finalmente as braçadeiras em espuma ultraresistentes, mais sólidos.

• A boia : assegura uma grande estabilidade às crianças.

A CRIANÇA APRENDE A NADAR 

Durante a etapa de aprendizagem da natação, a criança deve passar da posição vertical, para a posição horizontal com o objetivo de poder realizar os seus primeiros movimentos de natação. Para o ajudar, pode utilizar:

 

• O colete de natação : assemelha-se a um colete salva-vidas.

• O colete insuflável: constituído por um rolo insuflável, enfia-se muito facilmente e proporciona uma grande liberdade de movimento.

• O cinto de natação qui existe em dois modelos:

     o básico que permite trabalhar o equilíbrio abdominal e dorsal mas também de aprender mais facilmente os primeiros movimentos da natação. 

     o cinto evolutivo, que possui uma parte insuflável que se pode separar e que se utiliza como uma prancha para facilitar a aprendizagem.

 

Para evitar ficar atolado em braçadeiras, boias, cintos, a Nabaiji desenvolveu a braçadeiras-cinto-evolutivas Tiswim.

Estas braçadeiras acompanham a criança durante as duas primeiras etapas da sua adaptação ao meio aquático e crescem com ele. No início poderão ser utilizadas no seu conjunto . Quando a criança se sentir mais à vontade, poderá deixá-la deslocar-se com as braçadeiras. Finalmente quando passar de uma posição vertical dentro de água para uma posição horizontal, poderá utilizar unicamente o cinto.

Tenha em atenção  em escolher um material correspondente ao peso da criança, estas indicações encontram-se descritas no interior dos produtos.

O seu filho está pronto para descobrir o mundo aquático com toda a segurança. Em todos os casos, nunca deixe as crianças sem vigilância dentro de água!